Ferramentas digitais: saiba como e quando usá-las na área de cobrança

Ferramentas digitais: saiba como e quando usá-las na área de cobrança

Você sabe como usar ferramentas digitais em suas ações de cobrança? Neste post, reunimos algumas dicas que o ajudarão a otimizar seus resultados de maneira inovadora.

Quem atua na área de cobrança sabe que a recuperação de crédito é um verdadeiro desafio. Afinal, cobrar com eficiência exige técnica, conhecimento e os instrumentos adequados. É aí que as ferramentas digitais podem fazer a diferença!

Em um mundo cada vez mais digital, elas não podem ser ignoradas, não é mesmo? Gestores e empresários precisam aprender a incorporar bons recursos à área de cobrança e, com isso, aumentar seus resultados.

Se você não sabe como fazer isso, chegou a hora de aprender!

A cobrança digital e seus benefícios

Como sua empresa cobra os clientes inadimplentes? Ainda tem o hábito de esperar o atraso da parcela para entrar em contato por telefone e negociar o pagamento?

Muitos gestores se identificam com essa rotina, especialmente em negócios de pequeno e médio porte. No entanto, é hora de repensar suas estratégias e investir na cobrança digital.

E como seria essa nova forma de cobrar? Em resumo, estamos falando do uso de técnicas e ferramentas que facilitam no envio de faturas, boletos e comunicados sobre valores em aberto.

Nesse caso, é possível aproveitar inúmeros recursos e canais digitais, gerando benefícios que merecem ser destacados, como:

  • Redução de gastos com cobrança;
  • Mais rapidez na recuperação do crédito;
  • Redução dos índices de inadimplência;
  • Melhoria da comunicação entre a empresa e seus clientes;
  • Maior equilíbrio do fluxo de caixa;
  • Automatização dos processos de cobrança.

As principais ferramentas digitais para cobrança

Você fez uma grande venda para uma empresa e negociou o pagamento em três parcelas. Acontece que o cliente não conseguiu cumprir com o compromisso assumido e só pagou o primeiro boleto. O que fazer?

Apesar de extremamente prejudicial ao desenvolvimento empresarial, essa situação costuma se repetir em negócios de todos os tamanhos e segmentos. Para minimizar seus impactos, o uso de boas ferramentas digitais é uma saída inteligente.

Alguns recursos podem ajudar muito na área de cobrança:

E-mail

Esse canal de comunicação se tornou fundamental no mundo dos negócios e ajuda a documentar relações, acordos e situações.

Diante disso, ele pode ser bem aproveitado no setor de cobranças. A ideia é enviar lembretes, segunda via de boleto e até propostas de acordos. Lembrando que a mensagem deve ser redigida com todos os cuidados necessários, principalmente no que se refere às regras de cobrança.

Chatbots

O chatbot é um sistema de computador que simula a conversa com um humano. Por meio da tecnologia conhecida como inteligência artificial, ele consegue responder dúvidas e solucionar demandas sem a necessidade da intervenção de um atendente físico.

Dentro da área de cobrança, o recurso pode simplificar e automatizar o processo, além de reduzir o constrangimento de uma negociação, principalmente quando o valor devido não for alto ou a parcela estiver com poucos dias de atraso.

Softwares de cobrança

Os softwares de cobrança são mais um exemplo de ferramenta digital que pode transformar os resultados do setor. Com múltiplas funcionalidades, eles automatizam os processos e tornam a recuperação de crédito muito mais ágil e eficaz.

Vale destacar que existem módulos para todas as fases da cobrança. Com isso, a depender das necessidades de seu negócio, é possível investir em um recurso inovador e que auxilia em etapas importantes, como:

  • Análise de Crédito;
  • Pré-cobrança;
  • Cobrança extrajudicial;
  • Cobrança judicial.

Portais de autonegociação

Os portais de autonegociação são ferramentas que permitem que o cliente inadimplente realize o pagamento de suas dívidas online e no horário que desejar . Em geral, a plataforma já oferece alguns descontos e condições e agiliza a formalização do acordo.

Na prática, sua empresa não precisará entrar em contato direto com o inadimplente, apenas gerar os estímulos, para que ele acesse o portal e escolha a condição que melhor o atenda. Ele só precisa acessar o portal e escolher a condição que melhor o atende. Lembrando que as opções disponíveis variam conforme o perfil da empresa, valor e idade da dívida.

A maneira certa de usar ferramentas digitais no setor de cobrança

Como é possível perceber, existem muitos programas e softwares nos processos de cobrança e, sem dúvidas, eles tornam a recuperação de crédito uma tarefa menos árdua e favorecem o crescimento empresarial.

Apesar disso, os bons resultados só surgem quando esses recursos são utilizados da maneira certa e na hora correta.

Em outras palavras, todos eles são decisivos para a recuperação de recebíveis. Porém, é fundamental avaliar a situação da empresa e garantir que a solução mais adequada seja implantada.

O momento em que a cobrança será realizada, bem como o valor do débito e o tempo de atraso são fatores que interferem na escolha e, claro, na estratégia utilizada.

Lembrando que o ideal é não esperar a dívida crescer e sempre apostar em ações preventivas. Quanto mais ágil sua empresa for, menos chances ela terá de sofrer com as consequências da inadimplência.

Por fim, é importante destacar que, além do uso de ferramentas digitais, a cobrança precisa ser encarada com profissionalismo e seriedade. Isso porque, demonstrar segurança e empatia e ter um plano previamente definido garantem que o processo siga na direção correta e que o problema seja superado de maneira amigável e vantajosa para as duas partes.

Gostou deste artigo? Assine a nossa newsletter e receba notícias e dicas em seu e-mail!

Este post tem um comentário

Deixe uma resposta